O Blog do Nando

Um pouco disto, mais daquilo e um tanto-ou-quanto do que me apetece.
Sejam bem-vindos!
Olhares do Nando
nando-online

Rádio Nando
tempo
Estado de Espí­rito

Dikta

Warnings (4:03)
play - stop

quinta-feira, junho 28, 2007

verde



Há variadíssimas coisas que encontramos numa ilha que são verdadeiramente fascinantes. Como por exemplo o facto de não se poder fugir "dela" pelo próprio pé. Ou, o facto de que nenhuma, nem mesmo uma só para amostra, estrada, rua, viela ou caminho vai dar a Roma. Ou então o facto de que se alguém fica doente, e aqui só precisa de ser uma pessoa, a amostra, é certo e sabido que toda a população vai ter essa mesma doença em poucas horas. E é mesmo neste ponto que me encontro. Há uns dias pôs-se tudo constipado com a chegada do verão, ou lá o que é que eles chamam a ter uma "brasa" de 15 de-graus Celsius. A mim tocou-me também. Um pouco mais tarde, mas dela não me escapei. E desde então que a cada 10 minutos tenho de assoar o nariz, pois mais parece uma fabrica de monca que uma entrada de ar para o sistema respiratório. E numa destas assoadelas tive a seguinte dúvida. Uns dias tinha a narina esquerda inundada de material tóxico, outros a direita, e de quando em vez ambas as narinas. O mesmo para a versão entupida da história. Daí que fiquei curioso se haveria alguma explicação científica sobre qual a narina afectada. Ou terá sido este processo narino-dependente que originou a palavra coincidência?



Etiquetas:


2 comentários:

Não deves ter muito que fazer...
Já reparei que se, por exemplo, tiver a narina esquerda entupida e me deitar virado para o lado direito passo a ter a direita entupida. Mas nunca experimentei numa ilha...

Espero que ajude na tua investigação :P
por Blogger Mário, Às 4:38 da tarde  

Tens algo a dizer?